quinta-feira, dezembro 17, 2009

Todos os olhos, menos o da cara


Fulana, primeiramente quero me desculpar pela exaltação de minha parte, hoje de manhã no colégio. NUNCA achei que mulher fosse uma B..., ao contrário, quis dizer que esse lado de VOCÊS, dificulta a justiça em nosso País. Continuo pensando a mesma coisa em relação ao ALUNO. Esse aluno NUNCA levou um NÃO, e vocês estão ajudando-o a ser ( Deus não queira) um "fracassado" na vida. Pois a vida, como você sabe, não é feita só de SIM!


Ausento minha responsabilidade sobre essa vida, e acho que vocês deveriam largar esse lado maternal e assumir uma postura ética, o que faltou por parte de vocês. Mal lhe conheço, porém respeito (tava) seu trabalho, mas voltar atrás em uma DECISÃO tomada por todos, registrado em Ata, é uma lastima, uma incoerência, uma falta de respeito para conosco. E o pior é que vai influenciar toda a vida do aluno, pois esse é o momento do NÃO, e vocês MULHERES, estão procrastinando isso.

Fiquei sim muito triste com essa decisão. Porém não é questão de marcar território - como nossa colega colocou, pois já marquei meu território a muito tempo, e não tenho mais 18 anos para correr atrás de cocotinhas - e sim ajudar esse ALUNO, a ver que a vida, não é o que ele pensa.

Muito ruim passar por isso, e volto a dizer que, VOCÊS estão equivocadas nessa atitude.

Que além de prejudicar o ALUNO, vai levantar toda uma polêmica em relação aos outros, pois o nome do aluno já saiu na lista de RETIDOS.


Cada dia mais me envergonho do ser humano (exceto alguns raros), pois esse não sabe agir com ética.

Que Pena para essa nova juventude, que já não tem família - e que apanha a cada seis meses da mão de um novo padrasto- muito mais coerência nos orgãos que tem por responsabilidade cumprir com seu papel, dentre eles, preparar jovens para o futuro.


Isso explica como caminha essa nação.


Não jogue seu filho numa cesta!


Bom fim de semana

Charles


Obs: O texto é um desafabo e se refere a um Aluno que foi reprovado pelo conselho, ( por notas), e que não tinha o menor respeito com professores, violento com colegas e o patrinômio escolar. E que usou de sentimentalismo e dramaticidade para com as professorinhas -que sem consultar o conselho (ridículo as duas coisas: não consultar o conselho; e voltar atrás nas notas e o pior rasusar a Ata) aprovou o COITADINHO do ALUNO.


Para o diabo que carregue!


Educação é Banho de sol na Fundação Casa! Rárarararararara

6 comentários:

Anônimo disse...

O medo impera...

S. Maia

S. Farias disse...

um dia essa professora da rasura pode se deparar com o mesmo "aluno" apontando um cano no pescoço dela, aí madame, perdeu!!!

Nelinho 10 disse...

não vejo nem pelo lado da violência. o que me deixa puto é o fato de manipular os resultados do rendimento dos estudantes. isso não é só anti ético é ILEGAL.

Marcio disse...

educação pra essas pessoas é qualquer coisa, elas querem se livrar do trabalho, e não cumprir o trabalho. isso acontece em todas as áreas , mas em educação é trágico, como o desabafo do nosso amigo mostrou, Prata, sinto muita falta desses seus arroubos energicos.

Alê Marques disse...

Graças ao Senhor bom deus não passo mais por isso.

Anônimo disse...

Difícil comentar depois de tamanha indignação! Mas é muito triste saber que ainda há mentes tão pequenas assim...
Um abraço..
Ismael Luz de vela.