segunda-feira, abril 23, 2007

Até a minha tolerância tem limite

vou continuar sentando e tomando cerveja com o Andrezão, mas peraí! o texto dele compromete quem tem nome e tem coisa escrita aqui. Portanto, se esse texto aí da federalização não for tirado do blog, por ele ou por outrém que se ache na posição de mediador, eu vou denunciar mesmo o blog. Nem vou entrar na questão legal, eticamente essa postura é intolerável.

Marcio Elias Santos

5 comentários:

Marcio disse...

o meu único medo é o meninão comprar duas taurus 38, fazer um vídeo falando assim "vocês tiveram um bilhão de chances...", mandar pra Vanguarda paulita e ir pro joão cursino

Alexandre Marques disse...

É meu caro, concordo contigo a nossa liberdade de expressão não pode abrir espaço à barbárie ideológica, ao pensamento único, e soluções totalizantes.
Este espaço existe é pra ir de contra à tudo isso, posturas "eticamente intoleráveis" são passíveis de expurgos.
Asseguro aqui a nossa liberdade de expressão e organização, mas com o único valor que podemos presumir como universal, mas sem totalizações, que é o valor ético.

Comunapiraquara disse...

ontei tentei convencê-lo de que o crime não compensa...agora ele diz que vai amenizar, tomou um chocolate no sábado e está bem mais realista. Por que como diz o bicheni: se for para levar ferro que seja de quatro!

jabor.mainardi 2 disse...

Nota -se a venda de uma opiniao populista a os caros tambem populistas falsa esquerda desse blog,afinal o sujeito bem assalariado governalmente falando, e residindo numas das mais caras oligarquias paulista,só nao tende a aprovar a federalização,como tambem marcio conto com você nesse movimento,,,
Obs:caso condenado por xenofobia ou seja la o que for ,,Por favor,evite penhora do meu copo de cerveja no nosso proximo encontro...
Jabor.Mainardi 2

Anônimo disse...

Solicitação atendida. Nem por brincadeira será permitida tal coisa , pois este lugar é ponto de libertação e respeito ao próximo, principalmente no que tange a questões a xenofobia.

Abraços a todos , sem mais

Andarilho e sua Sombra.