domingo, novembro 15, 2009

Festa Punk com Amor


Daí a vida mostra pra você com toda força porque ainda é engraçado ser.
Menina com cara de anjo, fala mansa e modos doces, namora menino com cara de anjo, voz mansa e que é baixista/vocalista de um banda punk. Menino esse que mora na região nobre da cidade e canta com ódio revolucinário no coração. Ódio ao que, foi minha pergunta durante todo o show, com a bonequinha com cara feliz pulando do meu lado.
Mas a noite continua.
O cenário era todo sujo, escuro, com homens mal encarados e poucas mulheres. Mas na frente do palco havia dois rapazes de regata, com duas meninas lindas peruas, totalmente deslocados, os marombados no punk. Durante o show do Filu, (eu só chamei de Flu) menino de rosto angelical e voz diabólica, as meninas tampavam os ouvidos, mas mantinham um sorriso nos lábios, os dois rapazes agitaram a cabeça em descompasso. No fim a bonequinha me contou que um era irmão do Flu e evangélico.

Fui respirar um ar. Minha amiga, mais nova que eu em idade e mais velha em vida, desabou no banco do lado. Daí veio um fulano. Pediu para sentar, perguntou se nossos namorados não se incomorariam e explicou que odiou o bar, preferia ter ido na festa universitária aché. Poxa, por favor, não se segura na cadeira, vai!

Não foi, ficou contando a vida dele e me explicou porque as ruas de São José são tão largas.
Mais então o verdadeiro punk começou e eu, meio sem jeito, fui para a festa punk e confesso que me acabei, Sandina (Todo mundo vai embora, todo mundo tem sua hora), Surfista Calhorda (Vai pra NY estudar advocacia), Nicotina(?), Astronalta (Coração de Bebel) e pra fechar Festa Punk! Ah, me senti a Sininho. Como o Wander Wilde foi embora, todo mundo vai, a banda na comemoração de 25 anos de punk colocou uma volcalista loira e com 25 anos!! Parecia o filme Exorcista, aquela cara linda, loira, franzina, olhos azuis e voz de vomito!
Punk é isso aí, por isso que é bom, sem pretenção.
Certo momento o Peter Pan chegou e me disse que era tudo igual ao que sempre foi. Sim, era. Nós eramos diferentes também, mais velhos, mas procuravamos voltar? Ou apenas lembrar? Ou eramos isso?
Por fim, teve volcalista da Banda Eva (eu achava que era a Ivete Sangalo, mas ...), amigos sem educação e sujos achando que suor se divide e não se limpa, estoque de água tônica finalizado, água sem gás, banheiros com papel higiênico no fim da festa (isso sim sem explicação).
Ainda bem que acabou com quatro pessoas deitadas na calçada comendo sorvete pensando que amanhã vai dar piscina.


Foto Roberto Massao

16 comentários:

Maria, Simplesmente disse...

Prometo não escrever um longo tempo para compensar a sequencia, mas tem dia que a noite é f***.

Alê Marques disse...

Que nada! se bateu pode mandar, não tem dessa não, jogo é jogado, lambari é pescado, e texto é postado!
Além do mais, depois destes seus dois textos posso dizer que você está ficando ainda "mais ótima"!!!
Vamos absorver ainda mais o anarquismo punk neste blog e não seguir essa regra de só um texto por semana´.
Escrever pra mim ( e imagino que deva ser pra vc também) não é passa tempo, é uma necessidade maciça e permanente.
Escreve aí pára não!!!

Hemerson disse...

Alexandre,
creio que a Maria compreendeu quando votamos um texto por semana,assim como jamais a mataríamos porque ele postou textos seguidos.
Absorver anarquismo punk,Faça me o favor.Você me vem falar em anarquismo sendo que vc foi o único que votou contra o André postar texto de futebol. Sabe qual o problema , vc gostaria que o blog rodasse como vc esperasse , e ele roda por vias e olhares diferentes do teu e isto é o que mais te incomoda.

Maria, Simplesmente disse...

Vamos combinar q meu texto tem o nome q tem pq eu sou punk, com amor, de mentira!! Só de tomar banhos diários somos não punks, só de conversar e saber o que realmente é anarquismo, não somos punks.
Falei de não postar meus textos para não ser maçante, chata, mas não me peguei a regras. Gosto delas porque postar um por dia deixa o brilho do outro. E tem dia q não tem nenhum texto.
Coronel, vc disse bem, escrever é uma necessidade pulsante. Caso ainda escreva mais essa semana postarei, mas guardo uns dias.
Mas é bom escrever, tenho muito q treinar, segundo minha amiga nossa noite foi meio Garcia Marquez, mas não consegui passar isso no texto.
.. tentando

André Luiz Rozaboni disse...

Alexandre,

Acho que o Piqui como administrador,quando disse era para regrar 1 texto por semana de cada colaborador, era mais para proteger o blog de virar uma "Agencia Reuters" da vida;;

Acho que vc , assim como eu, tem necessidade de um certo tempo para ler(ou escrever) o texto, comenta-
lo, ler a critica sobre o comentario e rebate-lo em seguida;;

Até por isso acho que o Hemerson tem feito vista grossa pela Maria estar postando ( e muitoi bem por sinal) com frequencia maior do que a combinada, tendo em vista que acho que 6 colaboradores não escreveram nos ultimos 7 dias..

E Maria, enquanto houver o por que, arrebenta!!

Maria, Simplesmente disse...

tsc tsc, sem palavrões. Pode ofender, mas mantenha a boca limpa.

Alê Marques disse...

Afe! Ainda bem que vc escreve aqui minha amiga!!

Alê Marques disse...

Tem gente que só escreve pra meter o pau.literatura que é bom mesmo nada!
A respeito de textos sobre futebol, eu pelo menos nunca vi um escrito aqui!
Eu gosto de crônica de futebol,desde Nelson Rodigues, até Albert Camus escreveu sobre o esporte! Gostaria até de ver uma escrita aqui,mas provavelmente será uma babarie verborragica, infelizmente!

André Luiz Rozaboni disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
André Luiz Rozaboni disse...

Ale Marquês:

Salve que trabalhando na secretária do meio ambiente do municipio jamais li textos seus esclarecedores sobre questões ambientais.

Apenas vi alguns Ctrl-C de cartilhas primariás do ensino municipal.

O Futebol, assunto que você não tem DOMINIO OU CONHECIMENTO algum não se escreve apenas por crônicas e poesias, mas sim por sentimento e emoção, sentimento explicito e vivo dos demais colaboradores do blog que ja publicaram posts a respeito.

Senão seria previsivél demais para ser futebol.

André Luiz Rozaboni disse...

Sobre isso vagabundo:

"Tem gente que só escreve pra meter o pau.literatura que é bom mesmo nada!"

Acho que ou tu puxa o carro ou aprenda a respeitar os demais colegas pq ja encheu o saco!

Enjoou o golpe "Meu blog minha vida"que tu tentou aplicar!!!

Votação ja foi, acabou e ta decidido.

De resto vai chorar na cama que é lugar quente.

Alê Marques disse...

Quem escreveu sobre futebol aqui?? Você????
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Volta pra terceira série do fundamental que lá sim vc deve ter escrito algo sobre futebol!!

Alê Marques disse...

Olha só como é André, quando você metia o pau no que eu escrevia, eu não reagia desta maneira. Eu leva na esportiva mesmo quando vc levava pelo lado pessoal.
Agora não se pode mais criticar nese bolg, então? A democracia de uma maioria, ao invés da democracia de consenso.
Agora eu vou adotar o mesmo comportamento teu, não vou escrever porra nenhuma neste blog e só vou esculhanbar o que vc escrever.

Samuel disse...

nossas conversas no escritório não adiantaram nada hein...e eu é que sou o "parado"... em plena segundona os mano não saem do blog...

Maria, Simplesmente disse...

Cara, na boa, dois por vez!

André disse...

Perai Alê, acho que critica e ataque pessoal tem uma represa de diferença ai no meio, mas parei também pq ta ficando incoveniente;;;

Vou usar da lei da reciprocidade e me dar ao luxo de não postar e comentar seus textos como sugeriu.

É fato que me escolheu como alvo em virtude da queda de seu anonimo favorito,

Não podia ter escolhido melhor, Mas por favor separe o pessoal do virtual...

Frei